PM na Ufes, NÃO! realiza debate "Gestão de segurança universitária"

O coletivo PM na Ufes, NÃO! organiza mais uma atividade para debater a entrada da Polícia Militar nos campi da Universidade Federal do ES.  Dia 29/11, às 16 horas, na sede da Adufes, a discussão será sobre "Gestão de segurança universitária no Brasil". Dois dos convidados já confirmaram participação na Mesa: o presidente da Associação dos Docentes da Usp (Adusp), Rodrigo Ricupero,  e o professor Antônio Carlos Moraes,  integrante do Conselho Ensino e Pesquisa da Ufes.

Logo que foi assinado o convênio entre Ufes e Polícia MIlitar, diversas entidades se manifestaram de forma contrária à decisão do reitor Reinaldo Centoducatte. Desde então, o coletivo tem realizado debates sobre o tema. Em todas as atividades, a comunidade acadêmica demonstrou também contrariedade ao convênio assinado com a PM.

Vários vídeos têm sido feito com profissionais das áreas de segurança pública, educação, defensoria pública, movimento negro, e militantes para saber o que pensam a respeito do convênio assinado. Os depoimentos estão sendo postados na página do PM na Ufes, NÂO! que pode ser acessada AQUI

Um dos depoimentos é da professora Débora Duarte (vídeo abaixo), do Departamento de Educação. Para ela, a relação PM/Universidade é incompatível. A docente ressalta que é preciso refletir, debater, propor e construir outro caminho de segurança para o meio acadêmico.

 

Café com debate. Em 17/10, o PM na Ufes, NÃO! debateu Direitos Humanos e Segurança Pública. Participaram da Mesa, o policial militar Anderson Duarte, administrador do blog Policial pensador e membro do grupo Policiais antifascismo, no Ceará, e Gilmar Ferreira, militante de Direitos Humanos há mais de 20 anos e ex-presidente do Conselho Estadual de Direitos Humanos (CEDH). 

Veja galeria de fotos do Café com Debate

O objetivo de todas as atividades é levantar informações que levem a reitoria da Ufes a rever sua decisão em torno do convênio assinado com a PM no final de junho. Formado em setembro, o “PM na Ufes, NÃO!” é  composto pela Adufes, CEDH,  Fórum Capixaba de Lutas Sociais,  Círculo Palmarino e o cursinho popular AfirmAção. 

Fonte: Adufes 

ANDES