Comissão da Adufes cria formulário de acompanhamento jurídico ao trabalho remoto

O documento trata de “pedido de custeio e/ou ressarcimento de materiais e serviços necessários ao trabalho remoto”.

Desde agosto, quando foi anunciada em Assembleia Geral da categoria a criação da Comissão de acompanhamento ao trabalho/ensino remoto na Ufes, o grupo vem trabalhando em diferentes iniciativas e entre elas, definiu a elaboração de um formulário para pedido de custeio e/ou ressarcimento de materiais e serviços necessários ao trabalho remoto. Acesse aqui

O Art. 7º, § 4º da Resolução nº 30/2020-CEPE determina que “A Administração Central, por meio de seus Centros de Ensino, deverá disponibilizar toda a infraestrutura necessária ao docente para a oferta das aulas síncronas e assíncronas”. Porém, a Comissão discutiu que inúmeras queixas que tem sido relatadas, revelando o aprofundamento da precarização das condições do trabalho docente e por isso encaminhou a demanda à Assessoria jurídica da Adufes para criação do documento de notificação.

Depois de preenchido, o formulário deve ser enviado para O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.  

Comissão. A Comissão de acompanhamento ao trabalho/ensino remoto na Ufes conta com a participação de docentes de diversos centros e departamentos, e atua em frentes que envolvem aspectos jurídicos, saúde docente, política educacional, entre outras iniciativas, em articulação com os GTs da Adufes e Conselho de Representantes.

Leia também:

Adufes irá ao MPT para garantir condições de trabalho durante vigência do Earte

Fonte: Adufes

ANDES